Quinta-feira, 21 de Novembro de 2013

Falam, falam, falam…

 

De facto isto não é um país, é um sítio, um sítio não do pica-pau amarelo mas dos pica miolos.

 

É vê-los empolgados em discussões sem fim, sem nexo, sem objectivo e sobretudo sem a dita e propalada produtividade. Eles falam, falam, falam e não dizem nada ou, antes, até dizem muito. Dizem “façam o que eu digo não façam o que eu faço” e é por estas e por outras que ninguém acredita nestas criaturas palradoras.

 

Pelos noticiários vamos sendo postos ao corrente do que se passa neste país e uma das coisas, o tema dominante tem sido o aumento salário mínimo.

 

Até me sinto envergonhado com o que vejo e ouço. Como é possível que percam dias e dias, com a quantidade de gente que se senta à roda de uma mesa de negociações, gordos, anafados e bem pagos, para discutir o aumento do salário mínimo nacional de quatrocentos e setenta e cinco euros para os quinhentos euros.

 

Vinte e cinco euros separam esta gente e justificam ou não a credibilidade do governo. Estamos a falar de menos de um euro por dia de aumento, mesmo assim os patrões deste país diziam que as suas empresas não tinham capacidade de pagar esta verba. Que vergonha senhores, como podem mostrar a cara na rua sem se sentirem mal?

 

Não me apetece discorrer muito sobre este tema numa altura em que o ser humano se sente mais solidário e apoiante de quem precisa, mas gostaria de deixar à consideração de quem se der ao trabalho de ler algo que me angústia de sobremaneira.

 

Seria interessante que publicamente se soubesse quanto, durante este ano, os nossos patrões gastaram em festas, em jantares, em automóveis e todo o tipo de desperdícios. Assim se perceberia porque é que as suas empresas não têm capacidade de suportar um aumento de ordenado de menos de um euro para os seus empregados que já são miseravelmente explorados.

 

Falam, falam, falam mas o resultado é muito pequenino.


publicado por: canetadapoesia às 17:35
link do post | comentar | favorito

.Mais sobre mim


. Ver perfil

. Seguir meu perfil

. 15 seguidores

.Pesquisar

 

.Junho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Posts recentes

. Orgulho

. 10 de JUNHO

. A república revisitada

. Consoada numa terra dista...

. Finalmente juntos (39º Ca...

. Encontro ao fim da tarde ...

. Num país diferente (37º C...

. Sobrevivência (36º Capítu...

. Evolução na confusão (35º...

. Preocupação (34º Capítulo...

.Arquivos

. Junho 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Julho 2017

. Maio 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Agosto 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Julho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

.Links

SAPO Blogs

.subscrever feeds